quinta-feira, 25 de julho de 2013

Fora MGF: R$ 2 milhões foram sacados no dia que a intervenção foi decretada

No dia em que a intervenção foi decretada pela segunda vez, nomeando assim como administrador o advogado Carlos Rátis, uma das contas do Bahia sofreu um saque de R$ 2 milhões. O valor sacado, teria sido depositado na conta de um empresário de jogadores.

A informação foi publicada no Jornal Correio pelo jornalista, Jairo Costa Júnior. O mesmo também revelou  que o interventor Carlos Rátis realizará uma entrevista coletiva para apresentar inúmeros erros e números que comprovam a fragilidade da atual gestão do presidente afastado, Marcelo Guimarães Filho.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Fala tricolor!