O novo velho Estatuto do Esporte Clube Bahia

Ontem teve a tão esperada assembléia para aprovar o novo estatuto do clube. Tão esperada pela torcida porque ela trazia a esperança de eleições diretas no clube, um anseio do torcedor que não aguenta mais o continuísmo na direção do clube. Mas, para que possa ocorrer uma inversão no poder o torcedor terá que manter a luta por muitos anos... no mínimo 8.

Trecho publicado no site oficial do clube:
"Dentre os assuntos discutidos, as principais mudanças são que os sócios com 12 meses de filiação poderão votar para presidente já na próxima eleição, para alguém ser candidato ao conselho precisa ser sócio há 36 meses e os membros do Programa Torcedor Oficial do Bahia (TOB) terão a opção de pagar a mensalidade de sócio patrimonial e também participar da vida política do clube."

Trecho de matéria publicada no Bahia Notícias por Éder Ferrari:
"Para poder pleitear uma candidatura à presidente, o sujeito terá de ter cinco anos como sócio e mais dois mandatos no Conselho, cada um dura três anos. Ou seja, onze anos! Levando-se em conta que o Conselho atual é todo da situação e o próximo também, não veremos ninguém fora do grupo atual na presidência do clube em no mínimo oito anos. Isso se essa pessoa já tiver a carência necessária para ser indicado pelo Conselho. O discurso será de democracia, de promessa cumprida, mas não teve nada disso. Marcelo Guimarães Filho e Marcelo Guimarães poderiam ser os caras mais competentes do mundo em gerenciamento de clubes de futebol, que eu questionaria essas mudanças do péssimo para o ruim da mesma forma. De bom, só o fato do sócio torcedor (TOB) poder participar do pleito após a devida carência. No resto, é mais fácil ser candidato a presidente do Brasil!" Leia na íntegra



Baixar o Aurora
O novo velho Estatuto do Esporte Clube Bahia O novo velho Estatuto do Esporte Clube Bahia Reviewed by Paulo Ricardo Santos on 12:46 Rating: 5

Nenhum comentário

Fala tricolor!