Entrevista do lateral-direito Neto: "Sendo valorizado, lógico que quero ficar."

O lateral-direito, Neto, deu uma entrevista para o jornal A Tarde. Onde falou da possibilidade de deixar o Bahia devido ao interesse do Botafogo e também de como se sente muito bem em Salvador e principalmente no Bahia.

O atleta fala principalmente que o seu contrato precisa ser revisto e consequentemente ter um aumento de salário. Se o Bahia não vai contratar ninguém, na mas justo e inteligente que acertem o quanto antes o contrato de Neto. Basta ver que ele é o melhor lateral-direito que apareceu no Bahia nos últimos anos. E foi a única contratação que deu certo em 2012 ao lado de Rafael Donato.

É verdade que você já teria aceitado a proposta do Botafogo para defender o clube carioca em 2013?
Existe, sim, essa conversa, mas não sou eu que estou tomando conta disso. São meus empresários.

E qual o seu desejo?
Conversei com o Paulo (Angioni, gestor de futebol do Bahia) na quinta-feira e deixei bem claro que a minha intenção é ficar aqui. Tenho contrato até o final do ano e o Botafogo teria que pagar para me levar. Agora, é preciso ver também que a proposta deles é viável para mim, pois é de dois anos de contrato, sendo que aqui no Bahia eu ainda tenho um contrato de risco, com valores bem menores do que aquele que eu recebia na Grécia, antes de vir pra cá. Por isso, o Paulo e a diretoria estão tratando disso para que seja feito um novo contrato.

Você ficou balançado com o interesse do Bota?
Não tem como não ficar, né? O Botafogo é um clube grande, do Rio, e a proposta é muito boa.

Porém, no Bahia você já conquistou seu espaço.
É verdade. Gostei muito da torcida, do clube e dos companheiros. Também já tenho a confiança do treinador. A única coisa que realmente me faz pensar é essa questão dos valores baixos do meu contrato no Bahia. Mas o Paulo já está resolvendo isso. Sendo valorizado, lógico que quero ficar. Se não houver a valorização, complica.

Depois de cinco anos na Grécia, você resolveu voltar para o Brasil. Esse retorno foi melhor do que você esperava?
Fiquei com um pouco de receio antes de tomar a decisão, mas não me arrependi. Apesar de o Bahia ter feito esse contrato de risco comigo, agradeço muito ao clube por ter aberto as portas pra mim. Fiz uma aposta e mostrei minha qualidade.

Gostou da cidade?
Bastante. Eu curto cidades praianas. Sempre que posso vou à praia, ou a restaurantes legais que tenham vista para o mar, como o Amado (Avenida Contorno) e o Pereira (Barra). Minha esposa e meu filho, que moram aqui comigo, também gostam muito.

Entrevista do lateral-direito Neto: "Sendo valorizado, lógico que quero ficar." Entrevista do lateral-direito Neto: "Sendo valorizado, lógico que quero ficar." Reviewed by Paulo Ricardo Santos on 13:49 Rating: 5

Nenhum comentário

Fala tricolor!