Brasileirão 2012: Bahia 1x1 Atlético-GO - Tricolor 'perde' para o Dragão

No jogo dos desesperados, Bahia e Atlético-GO empataram em 1 a 1, no Estádio de Pituaçu, com um público de 10 mil torcedores. Os gols foram marcados por Fabinho e Diogo Campos. Com o resultado o Bahia saiu da zona de rebaixamento, enquanto o Atlético-GO lá permaneceu. Porém, o resultado frustou a torcida Tricolor que não acredita em uma reação no 2° turno.

O Bahia começou a partida marcando pressão, e por causa dessa pressão na saída de bola do time goiano, logo aos 8 minutos o Bahia abriu o placar com Fabinho (o nome do jogo), que raspou de cabeça uma cobrança de falta de Caio. Parecia que tudo iria dar certo. Afinal, Mancini não estava em campo para cobrar a falta de maneira errada. As laterais sem improvisação e Jussandro dando conta do recado com qualidade. Faltava Souza e Gabriel se entenderem com a bola.

Mas, o filme de terror começou a rondar. Após o gol, o Bahia recuou, deu muitos espaços ao time adversário e com isso perdeu o domínio da partida. Fabinho provavelmente é o jogador do Bahia que mais corre em campo, mas só corre, a marcação dele é com o olho... só fez cercar ou só faz cercar... consequência disso os times adversários tem espaço para finalizar de for da área. No último lance do 1° tempo, Marcelo Lomba viu a bola acertar o seu travessão, após um chute de fora da área.

Está aí descoberto mais um ponto fraco da defesa do Bahia: 1° - cortar cruzamento na área; 2° - evitar chutes da entrada da área.

Começa o 2° tempo, o futebol do Bahia era horrível. Bem postado em campo, o domínio era do Atlético-GO. Mas, o Tricolor se defendia bem. Até que Caio Júnior tentou recuar um time que já estava recuado e o pior que tirou Jussandro que não vinha comprometendo e ocupava os espaços da lateral-esquerda, para improvisar com Victor Lemos (volante). Consequência disso, a lateral-esquerda virou um buraco, quase que o Atlético-GO empatava se não fosse a trave.

Eis que aos 37 minutos, o filme de terror foi materializado. O Bahia foi ao ataque sem êxito, o Atlético-GO vinha no contra-ataque, Fabinho correu como louco e recuperou a bola, depois fez merda, em vez de procurar um companheiro e tocar a bola, quis driblar passando a bola entre as pernas do adversário e perdeu a bola. O Atlético-GO chegou no lado da área pela direita e levantou a bola na área, mesmo marcado o atacante do Dragão conseguiu cabecear e empatou a partida. 

Restou para a torcida vaiar Fabinho, xingar o técnico de burro, visto que ele mexeu mal no time. Engraçado que ao ouvir uma entrevista do auxiliar técnico, ele disse que mexeu no time para dar uma maior proteção a defesa porque o Atlético-GO tinha maior posse de bola. Mas o que eu vi em campo foi o Bahia dar mais espaços para um time que já tinha o domínio da partida.

Me pergunto, porque em vez de se defender não procurou mudar o time de forma que buscasse equilibrar a posse de bola. No meio campo, Caio e Zé Roberto andavam em campo, Gabriel e Souza estavam horríveis. As modificações poderiam ser Victor Lemos no lugar de Caio, Jéferson no lugar de Zé Roberto e Cláudio Pitbull no lugar de Souza ou Gabriel. 

Um empate com sabor de derrota, porque se vence abriria 3 pontos da zona de rebaixamento. Agora, com apenas 1 um ponto de vantagem faz com que tenhamos grandes chances de voltar para a zona na próxima rodada. 

Enfim, o time é fraco, cheio de jogadores que estão buscando ainda recuperar a forma física. Tem vários que estão no time desde o inicio do ano e não conseguiram, imaginem quem chegou agora! Nos resta torcer para os times que estão piores, continuarem piores porque esse Bahia que entra em campo não ilude mais ninguém. Nem os eleitores de João Henrique!




Brasileirão 2012: Bahia 1x1 Atlético-GO - Tricolor 'perde' para o Dragão Brasileirão 2012: Bahia 1x1 Atlético-GO - Tricolor 'perde' para o Dragão Reviewed by Paulo Ricardo Santos on 15:16 Rating: 5

Nenhum comentário

Fala tricolor!